sexta-feira, 19 de abril de 2019

1941 - Nasce o "rei" Roberto Carlos



Roberto Carlos Braga nasceu em Cachoeiro do Itapemirim, Espirito Santo, no dia 19 de abril de 1941. Filho de relojoeiro Robertino Braga e da costureira Laura Moreira Braga com 6 anos sofreu um acidente na linha do trem que resultou em amputação de parte da perna direita. Estudou no Conservatório Musical de sua cidade. Aos 9 anos apresentou-se pela primeira vez cantando, no programa infantil da Rádio Cachoeira. Já chamava a atenção imitando o cantor Bob Nelson. Aos 12 mudou-se com a família, para Niterói, Rio de Janeiro.

Em 1957, com a popularização do rock'n'roll americano, Roberto Carlos, junto com Tim Maia, Arlênio Lívio e Wellington Oliveira, formam a banda "The Sputniks". No ano seguinte a banda estava desfeita e Roberto Carlos inicia sua carreira solo. Gravou alguns compactos no final da década de 50. Com Erasmo Carlos, fez algumas versões e iniciou sua maior parceria musical. Em 1961, lançou seu primeiro LP, "Louco por Você". Em 1963, com o disco "Parei na contra mão", com as músicas "Splish Splash", "O Calhambeque" e "É Proibido Fumar" iniciou sua carreira de grande sucesso.

Em 1965, estreou, ao lado de Erasmo e Wanderléa, no programa "Jovem Guarda", na TV Record, que daria nome a um novo movimento. O desafio do programa era manter a elevada audiência das tardes de domingo. O programa não só manteve a audiência, como conseguiu aumentá-la. Roberto Carlos lança nesse mesmo ano, o disco "Jovem guarda", com as músicas "Quero que vá tudo pro inferno", "Lobo mau", entre outras.

Além do programa e dos discos, estrelou em filmes, inspirados no modelo lançado pelos Beatles nos anos 60. O primeiro longa foi "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura", lançado em 1967. Em 1970, chega as telas "Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-rosa" e em 1971, "Roberto Carlos a 300km por Hora". Nos anos 70, com o esmorecimento do movimento da Jovem Guarda, mudou seu estilo e tornou-se um cantor e compositor basicamente romântico. Entre seus grandes sucessos se destacam: "Detalhes" (1971), "Como vai você" (1972), "Falando sério" (1977), "Na paz do seu sorriso" (1979), "Emoções" (1981) e "Fera Ferida" (1982).

Com o sucesso da música "Nossa Senhora" (1993), os seus discos seguintes passaram a ter uma música religiosa. A carreira de Roberto Carlos é superlativa. Desde 1961, conseguiu a incrível façanha de lançar um disco inédito por ano, interrompido apenas em 1999, por causa da doença de sua companheira, Maria Rita, que viria a falecer. Seus discos são sempre lançados no final do ano, perto das festividades natalinas.

Seus discos já venderam milhões de cópias e bateram recordes de vendagem, em 1994 bateu a marca de 70 milhões de discos vendidos. Fez milhares de shows em centenas de cidades, no Brasil e no exterior. Seu fã-clube é um dos maiores de todo o mundo. Dezenas de artistas já fizeram regravações de suas músicas. Já lançou discos em espanhol e inglês, em diversos países.

Continua com suas apresentações por vários países, e todo ano produz um especial para a televisão, que vai ao ar na semana do Natal. Em setembro de 2011, o Rei, Roberto Carlos Braga se apresentou em Jerusalém, com o projeto "Emoções em Jerusalém", onde fez um show e gravou cenas para o especial de final de ano.


Nenhum comentário:

Postar um comentário